sufocada atrás da inércia

As vezes parece que eu simplesmente não posso nada, nada contra tudo de ruim que a vida traz pra mim, admito que pensava assim até parar de achar o novo, o diferente, o inesperado ruim porque afinal, nada é por acaso, pode ser que seja mas isso deixaria tudo muito mais sem graça e nós temos logicamente que crer no melhor, no mais legal, mais complexo então eu prefiro levar as coisas de um jeito diferente agora.
Sim, eu olho para trás, eu me arrependo depois eu esqueço mas eu sacio todas as minhas vontades eu sento e choro por quem não merece, mas é ali, naquele segundo e eu tiro da cabeça, se for o caso do coração, não levo comigo, deixei de hipocrisia, de joguinhos, de orientação do senso comum da população, deixei esses badulaques loucos que me matavam de dor de cabeça para lá.
Cansei de concordar porque assim fica bonito, não, pode não fazer o mínimo sentido tudo isso para você, mas para mim, faz todo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obg! pela visita :)
volte sempre ♥