Bobeiras, não?

Sabe quantas e quantas palavras eu escrevi, na verdade, joguei ao vento por sentimentos avulsos, sensações passageiras e forasteiros? Quantas vezes ouvi dizer que eu perdia o meu tempo, enquanto me encantava e me perdia nas ilusões de amores platônicos?
Perder tempo com o amor, independente de sua forma é sempre a melhor forma. Quero para sempre desperdiçar minutos da minha vida com ilusões "idiotas" de futuros que não chegarão, sorrir sem movito (aparente) enquanto ouço alto letras animadas e sinto-me linda ao passear por aí. A perda de tempo com boas sensações, com boas motivações é algo incrível, delicioso, divino.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obg! pela visita :)
volte sempre ♥